Acrílico sobre Tela - Espaço celestial


2 comentários:

R. Amoras disse...

Mesmo que as estrelas fujam dos meus olhos.
Mesmo que as ondas não molhem meus pés
E a tempestade me pegue,no meio do caminho.
Mesmo assim seguirei meu destino Até que eu sinta a última batida do meu coração...
Mesmo que o temporal me leve e as lágrimas me inundam.
Mesmo assim viverei intensamente cada segundo...Mesmo que o tempo passe diante de meus olhos e a fraqueza me aprisione.
Mesmo assim haverá forças guardadas que me salvarão do abismo.
Mesmo que a vida me acorrente com ilusões.
Mesmo assim meus olhos um dia enxergaram a verdadeira face do mundo.
Mesmo que o mundo se acabe agora no meu olhar se ascenderá uma luz...
A Luz da Vitória!!!

Devaneios Poéticos Urbanos disse...

A minha paixão pelos cosmos e astros fez despertar em mim um admirável interesse por este quadro.